Parto normal humanizado em maternidade pública ou particular?

Rede pública x Rede particular

Você decidiu pelo parto normal humanizado e está confusa na escolha da maternidade que o bebê irá nascer? Fique ligado, este artigo vai te ajudar muito!

É algo quase que cultural. Se você pagar plano de saúde, muito provavelmente você não vai buscar por um atendimento na rede pública.

Mas se você escolheu ter o seu bebê através de parto normal humanizado…a situação muda totalmente!

Sim, é o que você está pensando mesmo! A rede pública está mais preparada para o atendimento de partos normais humanizados.

CONFIRA 10 BENEFÍCIOS DA GRAVIDEZ AOS 40

E AINDA: 11 REGRAS PARA VISITAR O RECÉM-NASCIDO!

A melhor escolha

Conforme informações do site do ministério da saúde muitas mulheres recorrem á rede pública justamente para não ficar refém da grande quantidade de cesarianas eletivas da rede particular.

Entretanto essa realidade tem mudado. Muitas maternidades privadas estão de fato oferecendo atendimento humanizado adequado.

A questão é que quando isso acontece, plano de saúde nenhum paga. E o valor por todo o atendimento é quase que similar a uma diária em um hotel 5 estrelas ou até mesmo um fim de semana em um resort!

Qual você escolheria?

Ana Barretto é formada em recursos humanos e lettering. Mikael Santiago diretor audio visual, roteirista e fotógrafo, com muitas trabalhos conceituados na Globo Sat, inclusive.

Parto normal humanizado ; CASALONGE DE CASA GRÁVIDOS

O vlog deste casal (casalonge de casa) nos revela muito sobre o nascimento do Ravi, bebê do casal. Aliás, ele veio após uma jornada emocionante pelo mundo!

VOCÊ QUER CONHECER A JORNADA DO CASALONGE DE CASA?

UM PARTO NORMAL HUMANIZADO DOS SONHOS!

Durante a gravidez do Ravi Ana não cogitou em nenhum momento passar pela cesariana. Mas tiveram de recorrer à rede pública para o nascimento do bebê!

E os motivos são os descritos neste artigo: os hospitais mais pareciam hoteís , cobrando uma fortuna por todo o atendimento.

O que justificou muito bem a escolha do casal pela maternidade pública, no Rio de Janeiro. Lembrando que o parto aconteceu em novembro de 2019.

Confira como se deu esta escolha na íntegra neste vídeo:

O parto normal humanizado na rede pública (SUS)

Graças à Rede Cegonha, os cuidados e direito à atenção humanizada durante a gravidez, o parto, puerpério, e aos bebês são garantidos.

Claro que, este projeto só existe em instituições da rede pública. A rede particular vem avançando também. Entretanto parir de modo normal e humanizado tem sido inviável financeiramente.

Durante a gravidez, é comum a realização do plano de parto. A intenção é de que ele seja cumprido.

Entretanto, com todo o respeito, este plano terá uma finalidade maior em hospitais particulares, já que estes não têm normativas para regulamentar o atendimento humanizado.

Minha experiência

Certamente você já conhece o meu relato de parto normal humanizado que escrevi aqui no blog.

Eu lutei contra o sistema para parir de modo natural. Tudo aconteceu em 2014, e aquela época ou você buscava a rede pública (mesmo!) ou buscava por um médico apaixonado pelo atendimento humanizado.

Isso por que os hospitais e maternidades não eram preparados para este tipo de atendimento. Estas instituições estavam acostumadas com cesáreas agendadas ou parto normal com anestesia, em que a parturiente é obrigada e ficar deitada e tudo o que você imaginar de contrário á humanização.

De modo bem semelhante ao da Ana Barretto, eu fiz meu pré-natal na rede particular, com possibilidades de parir na rede pública! Este era meu plano B. Na época eu até fui visitar a maternidade referência de Goiânia.

A ideia era a de que caso o médico que não estivesse disponível, eu fosse atendida nesta outra que era pública. Acabou que isso não aconteceu. E Estêvão nasceu em uma maternidade particular.

MAIS DICAS SOBRE GESTAÇÃO, PARTO, PÓS-PARTO E AFINS?

Mas se você me perguntar se esta maternidade particular tinha estrutura para atendimento humanizado, te digo que não. Tudo que foi utilizado no parto (bolas e até uma cadeira para parto), foi disponibilizado pelo médico.

E se eu solicitasse anestesia ainda devia ir para o centro cirúrgico. Nada a ver né. A maternidade não tinha Centro de Parto Normal.

Quanto a humanização dos primeiros cuidados com o recém-nascido. Infelizmente, nada aconteceu a respeito. Ao contrário, foram realizadas aspiração, vitamina K e imagino que até o colírio nos olhos do meu filho!

Certamente a humanização ao recém-nascido teria acontecido se meu parto tivesse sido na rede pública. Presumo isso por conta da tal rede cegonha.

Minha indicação

Parto normal humanizado ; CASALONGE DE CASA ; FAMÍLIA

Se você está gestante e não sabe onde buscar informações sobre como proceder ao escolher o parto hormal humanizado, indico você conhecer a história super verídica da Ana Barretto.

E não só por este fato, mas o vlog do Casalonge de casa é viciante e instigante por ser muito semelhante à sua rotina de vida e à minha também, se é que me entende!

Sem contar a qualidade da produção e gravação! Sinceramente, , a série parece um seriado daqueles qeu você assiste na NETFLIX! Assista e me conta depois o que achou!

Agora quero conhecer sua experiência em parto! Você teve parto normal na rede pública ou particular? Se está grávida, busca por qual tipo de parto?Vamos conversar nos comentários?

Inscreva-se AGORA para receber boletins, brindes e descontos exclusivos!

Hellen Xavier Manso

Sou a Hellen, esposa, mãe do Estêvão de 6 anos, dona-de-casa, arquiteta de formação e blogueira por paixão. O blog "integralmente Mãe" nasceu assim que fui demitida (após ser mãe)!! E meu objetivo é gerar conhecimentos através do marketing digital para instigar você a viver com mais liberdade! Liberdade que se traduz em viver a maternidade sem culpa, a conquistar uma vida profissional de sucesso e livre de estereótipos e muito mais! Vem comigo!

Website: https://www.integralmentemae.com

    Deixe uma resposta

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.