Bullying – Como proteger nossos filhos?

anger-2728271_1920Bullying é o resultado de um abuso persistente na forma de violência física ou psicológica a outra pessoa. Antigamente, há uns 15 ou mais anos atrás não ouvíamos tanto essa palavra! Hoje é um termo super atual, mas que está presente na maioria das vezes nas “vítimas” do bullying. Será que há vinte anos, nossa geração passada estava mais preparada para lidar com o que atualmente chamamos de Bullying?

Preocupemos agora em preparar a atual geração para um futuro próximo, pois esta sim deve saber lidar com as próprias emoções e frustrações. Estamos preparados para lidar com tais situações quando decidimos enfrenta-las ao invés de fugir. Encarar uma frustração ou uma emoção negativa deve fazer parte do cotidiano familiar. Isso não deve ser postergado.

Pessoas vítimas do bullying costumam paralisar ou até fugir diante de um abuso psicológico ou um apelido constante e desagradável, por exemplo. Pessoas assim não aprenderam a lidar com frustrações, com o lado negro da vida. É papel dos pais mudar esta realidade. Atualmente, notamos muitos lares “abandonados”, já que ambos estão trabalhando por pura necessidade, obviamente. E a adolescência é o momento em que questões como esta se tornam mais comuns. Daí esta ser exatamente a colheita do que foi plantado na infância.

Os vínculos entre pais e filhos devem ser fortalecidos em cada etapa da vida, mas é na adolescência que devemos reafirmar (sem medo!) o que afirmamos na infância. Valorizo muito a conversa, o ouvir, as palavras, a paciência. Certamente deve ser por esses motivos que busco sempre me informar quando o assunto é educação. Pais e filhos não podem perder o elo da comunicação nunca. E caso isso aconteça, nossos filhos podem se sentirem indefesos diante de frustrações da vida , sendo assim, vítimas de bullying.

 

SEJA BEM VINDA AO MELHOR MOMENTO DA SUA VIDA! ASSINE NOSSA NEWSLETTER!

Hellen Xavier Manso

Sou a Hellen, esposa, mãe do Estêvão de 5 anos, dona-de-casa, arquiteta de formação e blogueira por paixão. O blog "integralmente Mãe" nasceu assim que fui demitida (após ser mãe) e neste momento me descobri empreendedora digital e o blog "Integralmente Mãe" nasceu! Desde então, eu busco influenciar as mamães a optarem por melhores escolhas no exercício da maternidade. E ainda a empreenderem em casa ou em qualquer lugar! Por que é somente com esta liberdade que conseguiremos curtir de verdade nossa família e filhos!

Website: https://www.integralmentemae.com

    Deixe uma resposta

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.